iBooks2Antes de Steve Jobs falecer, ele supervisionou a criação do iBooks Author, uma tecnologia para “digitalmente destruir” o mercado de livros didáticos de ensino.

Este software tornaria mais fácil do que nunca publicar um livro digital. E pela inclusão de multimídia, tais como fotografias de alta resolução, áudio e vídeo, seria mais fácil do que nunca publicar um livro digital de última geração. E, no verdadeiro estilo Steve Jobs, o iBooks Author incluiu uma funcionalidade com excelente visão de futuro: o uso do HTML5.

Qualquer publicação pode embutir código HTML5 para adicionar interatividade como nunca antes a livros digitais.

Jobs faleceu no final de 2011 e a Apple lançou o iBooks Author no início de 2012 em um mercado dominado pela Amazon e o seu Kindle. E enquanto mercado de livros digitais de hoje ainda é dominado pela Amazon e o Kindle, uma confluência de fatores (incluindo melhorias de hardwares móveis) criou uma abertura enorme para a Apple. Felizmente, eles já deram o primeiro passo ao lançar o iBooks Author em 2012 – e maciçamente vem atualizando-o ao longo dos últimos 18 meses – pois a adoção tem tido crescimento contínuo.

O iBooks Author é amplamente utilizado hoje em três setores, sinalizando o grande grau em que o mercado se moveu em direção a este tipo de tecnologia interativa de publicação: educação, entretenimento, e corporativo.

Educação

Como os educadores foram o mercado-alvo original para o iBooks Author, não é nenhuma surpresa que os educadores têm trazido à tona algumas das maiores histórias de sucesso do software.

Julia Maurer, reitor acadêmico em Mercersburg Academy, na Pensilvânia, levou a escola para o futuro de modo ousado, onde todos os livros em texto, previamente comprados de grandes empresas de livros didáticos, são agora produzidos internamente pelo corpo docente usando o iBooks Author. Isto não só fez com que os estudantes tenham economizado mais de US$110.000 desde 2012, mas com que quase todas as métricas de avaliação de desempenho dos alunos aumentassem desde então, incluindo osresultados de testes padronizados dos EUA.

Outro educador, desta vez no ensino público, usa o iBooks Author internacionalmente. Jon Smith, é educador e integrador tecnológico para a Alliance City Schools em Canton, Ohio, usa o iBooks  (juntamente com outra ferramenta de criação de conteúdo, o Book Creator) para unir estudantes da instituição em  48 países em colaboração para produzir um único livro digital sobre um determinado tema.

Entretenimento

O amplo espectro que chamaremos de “entretenimento”, falará sobre a base de usuários do iBooks, incluindo desde música a filmes, publicações autônomas e até materiais para exposições em museus.

Demi Lovato, Star Wars, Led Zeppelin, o Museu de Arte Moderna, George Harrison, e Breaking Bad todos tiveram iBooks criados para complementar ou estender uma experiência. Nestes livros, imagens interativas de alta resolução, fornecem uma narração adicional, imagens 3D permitem que os leitores toquem, girem e entrem dentro do universo ficcional. Por trás das cenas, gravações de áudio e clipes de vídeo estão incluídos, como os bônus de um disco Blu-Ray.

Mas, talvez, o crescimento mais convincente de iBooks Author uso tem sido no aumento de artistas independentes, utilizando o formato.

A banda de indie pop / rock Airplane Mode lançou um novo EP em fevereiro, que foi acompanhado por um iBook. Este iBook continha o áudio para cada canção, juntamente com letras, fotos da banda em sua sessão de gravação, uma entrevista de uma hora gravada com o produtor da banda, e o vídeo do por trás das cenas. O iBook foi fixado no preço de US$ 3,99 na loja iBooks, aproximadamente o custo do próprio EP no iTunes.

Corporativo

Esta é a área que permanece sob o radar, principalmente porque o que as grandes organizações já publicam com iBooks Author, mas os materiais permanecem internos e fora das estatísticas. NASA, HCA, Boeing, IBM, o governo da cidade de Chicago, a Universidade do Tennessee, a Southwest Airlines, GE, Ducatti, todos estão utilizando a ferramenta iBooks.

Em muitos destes casos os iBooks são usados para treinamento e educação contínua.

A Southwest Airlines foi uma dessas empresas, que usou o iBooks para criar a “Universidade Southwest Airlines.”

Ampla Visão é líder Brasileira na produção de livros interativos e pode lhe ajudar com os seus materiais, entre em contato: www.amplavisao.com 

 

bmet
Bradley Metrock

Texto por: Bradley Metrock para www.iBooksAuthorConference.com www.thebookseller.com (Bradley é CEO da Score Publishing) e produz a conferência mundial de iBooks: iBooks Author Conference.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s