Outubro 2013

Estresse e ambiente de trabalho combinam como creme de amendoim e geleia. Ou talvez seja mais como azeite e vinagre. Independente disso, é pouco provável que você irá eliminar completamente esse par do seu trabalho. Entretanto, é possível reduzir a quantidade de estresse e mudar o jeito como você reage a ele.

Uma das principais culpadas pelo estresse é, na verdade, aquela que existe para deixar o seu trabalho (e a sua vida) mais fáceis—a tecnologia. Esteja você vigiando o indicador de bateria durante um viagem ou reunião longa, esperando que a carga dure o suficiente; ou mantendo o computador livre de vírus, às vezes, a tecnologia adiciona uma camada de estresse de que você provavelmente não precisa. Com apenas um pouco de planejamento, você conseguirá chegar ao final do seu dia de trabalho sem a tecnologia atrapalhar.

Mudando o jeito como fazemos negócios
Desde que eles apareceram nas nossas vidas diárias, os computadores mudaram o jeito como trabalhamos, para sempre. Mas a tecnologia realmente deixa nosso trabalho mais fácil ou apenas nos deixa mais ocupados? Para responder a essa pergunta, você deve primeiro saber a diferença entre estar ocupado e realmente conseguir os resultados, terminando o seu trabalho. Como você pode imaginar, há uma grande diferença entre essas duas coisas.

De um lado, as tecnologias modernas, como os tablets, nos permitiram trabalhar a qualquer hora, em qualquer lugar. Essa conectividade maior pode ser uma grande vantagem, no tocante a fazer o que se tem que fazer com eficiência. Por outro lado, essa mesma situação de qualquer hora/qualquer lugar faz com que seja cada vez mais difícil nos desconectarmos do trabalho. Saber os limites entre trabalho e vida pessoal é o passo mais importante para trabalhar com mais inteligência.

Por que a tecnologia faz o nosso sangue ferver?
Quando se trata de estresse relacionado à tecnologia, geralmente não é algo tão simples quanto problemas de conexão Wi-Fi. Muitas vezes, o cerne do problema é algo muito mais profundo. Eis algumas situações em que a tecnologia não é necessariamente a causa do problema, mas certamente faz parte dele.

  • Tenha conversas importantes offline: Já recebeu um email e teve a impressão de que a pessoa estava braba ou querendo briga? Será que você pode ter interpretado errado o email? A resposta é “sim!”. É por isso que é importante ter conversas cara a cara sempre que possível—isso irá permitir que você perceba o tom da conversa mais facilmente e resolva os problemas mais rapidamente.
  • Encontre o dispositivo certo: Aparelhos novinhos em folha são lançados praticamente todos os dias, mas lembre-se—você deve considerar apenas aqueles que podem fazer mais por você. Enquanto os trabalhadores móveis podem se beneficiar de produtos como o HP ElitePad ou o HP EliteBook Revolve, outros podem ver mais utilidade em um desktop ou uma impressora multifuncional. Não se estresse por causa de tecnologia de que você não precisa.
  • Desacelere: A tecnologia deixa as coisas muito fáceis (até certo ponto). A ortografia é verificada automaticamente para nós, as equações são processadas automaticamente para nós—é fácil deixamos de perceber que, no final das contas, nós somos os responsáveis pelo nosso trabalho. Os erros que cometemos e as tarefas que esquecemos de fazer—tudo porque estamos muito apressados—não são culpa de ninguém além de nós mesmos. Deixe a tecnologia fazer o que ela deve fazer, mas não ao custo do risco de causar mais dores de cabeça.

Como você pode ver, não há resposta simples para o porquê de a tecnologia aumentar o estresse de nossas vidas já bastante estressadas. Pode ser que o seu computador esteja ficando lento ou que um novo sistema operacional pareça menos intuitivo do que o anterior, ou pode ser algo muito mais complicado do que isso. O seu trabalho já é complicado o suficiente sem os altos e baixos que a tecnologia acrescenta a ele. Respirando bem fundo e tendo um pouco de paciência, você conseguirá não apenas chegar bem ao fim do dia, mas também perceber quais ferramentas ajudam você a fazer seu trabalho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s