Mobile BusinessDesde 2008, o tráfego de informações por meio de dispositivos móveis, cresceu 3000% se comparado a hoje, estima-se que em 5 anos tenhamos esse tráfego aumentado em 40 vezes!

Noventa porcento do mundo tem acesso a redes móveis, app’s para celulares e tablets são febre, estima-se que até 2014 tenhamos mais de 76 bilhões de downloads de aplicativos para dispositivos móveis.

Ler por meio da web móvel é mais popular do que por livros, revistas e jornais, escrever para se comunicar pela rede móvel é mais comum do que se falar por meio das mesmas.

Sua loja virtual ou e-commerce está preparada para receber, tratar e levar o cliente ao check-out por meio de um Smartphone qualquer ou sendo específico, por meio de tablets como Motorola XOOM, Galaxy Tab, iPad, esse último que registrou 17 milhões de vendas à Apple no segundo trimestre do ano fiscal.

Está?

As pessoas fazem compras mais facilmente em lugares ou situações em que se sentem confortáveis, por isso talvez que os shoppings centers tenham virado sinônimo de lazer e passeio nas grandes cidades.
Vamos pensar juntos: Na vida real, você tende mais a comprar em uma lojinha de esquina, de uma rua movimentada, num calorão, depois de horas para achar uma vaga para o seu carro na rua, ou dentro de um shopping? ar-condicionado deixando o ar fresquinho, onde você sabe em que lugar seu carro está parado, se sente seguro, despojado e tranquilo?
Vamos levar agora essas questões para o mundo virtual: você sentado no seu ‘PC sisudo’ no trabalho, visita uma loja virtual, vê um produto legal, mas tem tantas tarefas e tantas janelas pipocando no seu monitor, reuniões, o telefone toca, barulho… chefe! As chances de não se efetivar a compra é muito maior do que você estando deitadão de meias no sofá de sua casa vendo um filme, vendo TV, o que seja e com o celular ou tablet na mão, procurando tranquilamente por um produto, conversando com seus amigos pelas redes sociais, lendo um artigo interessante, pegando opiniões sobre o item que deseja. Qual o melhor cenário para que a compra seja efetivada? Na vida real, sem dúvidas o shopping, na virtual, sua casa em seu dispositivo, no seu tempo e essa metáfora é apenas uma luz no prisma da questão.

Muitas vezes as lojas virtuais não pensam nesse tipo de experiência de compra, não investem em plataformas específicas para promover a facilidade nessas transações, sequer tem aplicativos ou sites voltados para receber quem vem dos dispositivos. Os grandes players de comércio eletrônico, como exemplo a Saraiva, o Groupon, o Peixe Urbano, o Mercado Livre, entre muitos outros, tem, cada um deles em seus segmentos de atuação, investimentos em formas para quem vem do acesso por smartphone ou tablet visando otimizar a experiência de compra nas plataformas móveis.

Com esforços nesse sentido em seu e-commerce, você criará vantagens que irão além da comodidade do shopping e da variedade da lojinha de esquina e passará a acompanhar o cliente, no bolso ou na bolsa!

Se ainda não te convenci a investir nesse sentido em seu e-commerce, vamos a mais um dado: até 2014 estima-se que transações comerciais via dispositivos móveis ultrapasse 35 bilhões de Dólares.
Com informações da Apple, Jornal O Dia RJ e do Sindicato de Tecnologia de Los Angeles/CA.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s